Notícia

Semana de Arquitetura e Urbanismo teve ênfase na sustentabilidade

20/05/2015


A V Semana Acadêmica de Arquitetura e Urbanismo, do Centro Universitário de União da Vitória (Uniuv), com o tema Busca de um Reequilíbrio Ecológico na relação entre os Seres Humanos e os Ambientes Artificiais e aconteceu nos dias 11 a 15 de maio.

A semana teve como objetivo incentivar uma nova postura em relação à aplicação de materiais na arquitetura sustentável. “As palestras sempre tiveram como temas assuntos técnicos. Os profissionais vieram para mostrar a técnica e a pesquisa em torno dos produtos desenvolvidos e todos com ênfase em sustentabilidade”, relata o professor Edwin Meyer. 

Todas as palestras geraram muita expectativa nos acadêmicos, mas a mais esperada foi a do Presidente do Conselho de Arquitetura e Urbanismo do Paraná (CAU-PR), Jeferson Dantas Navolar.  “Era uma expectativa grande dos alunos em conhecer um membro da CAU. O Conselho possui um site, em que todos os documentos ou dúvidas são sanadas por meio eletrônico. Foi como uma comprovação de que existem pessoas por trás do site tão eficiente”, explica a coordenadora do curso Gilda Botão. 

São os arquitetos que especificam o produto no projeto, essa é uma de suas responsabilidades. Nesse encontro entre arquitetos e técnicos, a parceria vem a favorecer a arquitetura sustentável. Foram relacionados vidro e cerâmica, iluminação e tinta, acústica, domótica e condicionamento do ar. 

Após as palestras, foram realizadas mesas redondas, que obtiveram grandes resultados. “Na mesa redonda entra o arquiteto, demonstrando o seu olhar sobre o produto apresentado e a sua aplicação. A busca dos temas tinha como objetivo relacionar a sua usualidade, por exemplo, como o vidro e o revestimento cerâmico têm de ser compartilhado na envoltória das construções”, comenta Meyer. 

Na sexta-feira, como conclusão, a professora Gilda realizou a palestra sobre a etiquetagem de eficiência energética – PROCEL EDIFICA. “Esse é o selo é nacional e de certificação para a edificação com eficiência energética. Esse selo serve para identificar edificações sustentáveis e possui três categorias: envoltória, iluminação, condicionamento de ar e total” explana Gilda. 

 

 

 


por: Edwin Meyer