Notícia

Professores da UNIUV comemoram o Dia do Jornalista

07/04/2016


Hoje, 07 de abril, é comemorado o Dia do Jornalista e há 14 anos o Centro Universitário de União da Vitória (UNIUV) forma profissionais que lutam diariamente para cumprir os desafios do jornalismo em nossas cidades e região.

A professora Angela Farah relembra do texto produzido em 2012 para a comemoração de 10 anos do curso, que fala sobre os desafios ao implantar a graduação na UNIUV. “Lá em 2002, iniciamos um curso com pessoas cheias de esperanças de fazer de seu mundo um lugar melhor para se viver, por meio do exercício digno de sua profissão. Assim eram os alunos, assim eram os professores. E foi assim que se construiu um curso com muitas glórias, muitos desafios, muitas vitórias e alguns fracassos, que se transformaram em lições. Não era possível fazer do modo imaginado, fazia-se de outro. Fechou-se uma porta aqui, criou-se outra do lado de lá. Com a ideia comum de uma comunicação justa, que amplia a visão de mundo da sociedade e colabora para o exercício da cidadania, formou-se um curso crítico, de opinião firme e, às vezes, incompreendido”, conta.

Para o Vice-Reitor, Lúcio Passos, comemorar o Dia do Jornalista, atuando há 15 anos na docência do curso da UNIUV é muito gratificante. “Ao longo desse período a UNIUV deu condições para que nós conseguíssemos, e quando eu me refiro a nós eu digo a todos os professores graduados na área, uma formação continuada cursando mestrado, doutorado e especializações. Então o dia 07 de abril é comemorado por nós com um gostinho a mais, porque o jornalismo trabalha com perguntas e respostas, trabalha com a verdade, pela busca da verdade, e tem sido mediador de momentos importantes para a história do nosso País. Então eu acredito no jornalismo, acredito na UNIUV e acredito na profissão que eu escolhi pra mim”, expressa.

Durante todos esses anos, o curso tem contribuído muito com a imprensa local. “É muito gratificante saber que a gente contribuiu, mesmo que um pouquinho, para a formação desses profissionais. Nos enche de orgulho ver nossos alunos fazendo a diferença nos meios de comunicação regionais”, relata Edinei Wassoaski, coordenador do curso de Jornalismo.

O curso de Jornalismo é conceito 4 no Enade, está entre os 10 melhores do Paraná segundo o Ranking Universitário da Folha de São Paulo e isso se deve a formação continuada dos professores. Hoje o corpo docente é formado em sua maioria por mestres e doutores. “Com os estudos que desenvolvem, os professores trazem novas experiências, novas técnicas de ensino, enfim, uma gama de conhecimentos que é repassada aos acadêmicos, enriquecendo de forma imensurável o processo de ensino-aprendizagem”, expõe Wassoaski.

Segundo Angela, a formação dos professores é essencial para o curso. “Abre possibilidades de ensino e pesquisa, transforma a visão de mundo dos educadores, que podem trazer toda essa riqueza de aprendizado para seus estudantes. Essa formação amplia a relação dialógica dos educadores com o mundo e com seus estudantes e fortalece os laços sociais”, diz.

O curso de Jornalismo teve sua grade reformulada e os acadêmicos que iniciaram a graduação nesse ano, já frequentam as novas disciplinas. Todos os professores tiveram a oportunidade de participar da construção da nova grade e assim, fazer com que a cada dia o curso continue formando profissionais de excelência.

Parabéns Jornalistas!


por: Thaina da Cruz